Primeira morte por afogamento é registrada em canal da transposição, no Sertão de PE

Um homem identificado Jurandir Silva, o Dudão, morador do Sítio Lage da Onça, foi a primeira pessoa a morrer por afogamento nas águas do Canal  da Transposição em Sertânia, no Sertão de Pernambuco. Ele mergulhava com amigos  na tarde deste domingo (26), quando tomava banho com amigos.

Segundo informações do Blog do Nill Júnior, o fato aconteceu na barragem Campos no sítio Caldeirão, município de Sertânia. Os relatos dão conta de que Jurandir mergulhou e não submergiu. Os banhos são proibidos nos canais e barragens na área da Transposição em todo o seu curso.

O Ministério da Integração costuma informar que é proibido o banho em spots nas emissoras de rádio por onde passa o canal. Em vão. Desde o período carnavalesco, flagrantes indicam a presença de um grande número de pessoas mergulhando na área. O risco existe porque em algumas situações o volume de água sobe muito rapidamente.

Para se ter uma ideia, a última estação de bombeamento do Eixo Leste deve entrar em operação plena nesta quarta-feira (29). A EBV-6 aguarda a instalação da segunda motobomba, que estava em fase de testes. “Com as duas em operação, a vazão da água no leito do rio Paraíba, em Monteiro (PB), será duplicada, atingindo 9 metros cúbicos por segundo. Os reservatórios Campos (onde ocorreu o acidente) e Barro Branco estão em fase final de enchimento. Com a chegada da nova motobomba, o manancial receberá o volume total previsto no projeto”, diz o Ministério em nota.

Ou seja, o volume vai aumentar ainda mais. O problema é a falta de fiscalização: nem federação, nem estado, nem municípios tomam de conta…

Em Serra Talhada, homem é 4 vezes o maior beneficiário anual do Bolsa Família e acumula R$ 52 mil

Instituído em janeiro de 2004, no primeiro governo do ex-presidente Lula, o programa de transferência de renda Bolsa Família já foi destaque no mundo inteiro, inclusive, com perspectiva para ser copiado por outros países. Em Serra Talhada (PE), o programa é um dos carros-chefes na questão de movimentação financeira do comércio local. 

Com uma média entre 10 mil e 12 mil beneficiários, o Bolsa Família ao longo desses 13 anos ajudou bastante para diminuir o grau de miséria da população local. Apesar do perfil prioritário de beneficiárias é ser mulheres mães de família na linha da pobreza, uma coisa chamou a atenção nos últimos 8 (oito) anos. Um homem, de nome Reginaldo Gomes Pacifico, foi tetracampeão em arrecadação como beneficiário do programa Bolsa Família. Desde o ano de 2013, ele é o beneficiário líder em arrecadação no município de Serra Talhada. 

Em consulta realizada no Portal da Transparência pelo site OPAJEU.COM.BR, vejamos que para ser campeão desse titulo inusitado, Reginaldo, já aparecia anteriormente, desde 2009, na luta como um dos maiores beneficiários. O que surpreende na pesquisa é que para ser tetracampeão, Reginaldo recebeu nesses últimos 4 (quatro) anos um valor maior que o próprio salário mínimo (chegando aos incríveis R$ 11,2 mil anuais), que tem por cálculo base a remuneração que um trabalhador deve receber da empresa que trabalha. 

Se juntarmos os valores de todos os anos, Reginaldo recebeu uma ótima quantia de R$ 52.510,00 mil reais, que sem sombra de dúvidas deve ter ajudado bastante a família, já que desde o corte nacional realizado outubro de 2016, ele (Reginaldo) não consta mais como beneficiário do Bolsa Família. 

Governadores vão debater reforma da Previdência

Após ser pego de surpresa com a decisão do presidente Michel Temer (PMDB) de repassar parte da reforma previdenciária para os Estados, o gover­­­­nador Paulo Câmara (PSB) se prepa­­­­ra para discutir o projeto com chefes do Executivo estadual de todo o País. O gestor chegou a externar, publicamente, que faltava diálogo no debate sobre os pontos da reforma que tramita no Congresso Nacional. A expectativa, a partir de agora, é ampliar o diálogo.

Os gestores do Nordeste planejam uma reunião no começo de abril. Os administradores estaduais de todo o País deverão se encontrar, em Brasília, para debater o impacto da proposta nos Estados. Segundo o gestor, a reforma chegou em um ponto onde foram envolvidas muitas controvérsias e é preciso repensar as mudanças.

“É preciso ver o que vai acontecer, a reforma está em um momento que precisa da reavaliação de tudo. É uma reforma que abrange todas as pessoas. Não é uma coisa que possamos fazer só pensando no imediato, vai exigir de cada um de nós um diálogo. É preciso definir qual o formato disso e nós estamos junto com os governadores buscando encontros, justamente, para discutir isso tanto no âmbito do Nordeste como também em nível nacional”, relatou, após o terceiro seminário do programa Pernambuco em Ação, em Arcoverde, no Sertão do Moxotó, no último sábado.

Paulo Câmara defendeu um olhar especial para pontos polêmicos como a aposentadoria dos trabalhadores rurais, idade mínima para pensionistas receberem o benefício e as regras de transição.

O gestor garantiu que, caso a reforma seja repassada para os Estados, serão respeitados o direito adquirido e com regras de transição longas. “É preciso ver o que vai ser passado porque não podemos legislar sobre nada dos municípios e estados de reforma. Caso for passado para os Estados e se Congresso Nacional autorizar, vou fazer o que precisa ser feito, garantindo direitos, garantindo uma transição que seja feita por anos e não apenas de curto prazo. Vamos garantir a sustentabilidade de cada um, sem pressa, olhando para cada um, dialogando muito”, afirmou.

A decisão do Governo Federal de retirar os servidores estaduais e municipais causou controvérsia, inclusive, nos bastidores do próprio Palácio do Planalto. Isso porque a proposta esbarra na Constituição Federal. A Carta Magna estabelece que apenas a União possui competência de legislar sobre regra geral de previdência de servidores públicos. Caberia aos Estados legislar somente sobre especificidades como alíquota de contribuição. (Via: Folha PE)

Custódia, Flores, Floresta e Serra Talhada recebem Caravana DETRAN nos Municípios

A partir desta terça-feira dia (28), as cidades Custódia, Flores, Floresta e Serra Talhada, no Sertão do Estado, recebem a Caravana de Educação Detran nos Municípios. A ação é realizada pela Secretaria das Cidades – Secid, por meio do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE e supervisionada pela equipe da Coordenadoria de Educação para o Trânsito, tendo o objetivo de ampliar a participação do órgão nas cidades do interior pernambucano.

Entre as atividades realizadas estarão capacitações para os Centros de Formação de Condutores - CFCs, palestras educativas em escolas, formação de professores, blitz’s educativas e fóruns de educação. Além disso, os motociclistas da região poderão participar do Curso de Pilotagem Defensiva, dividido entre aula teórica e prática, que será realizado na quinta-feira, 30, respectivamente, no auditório da Sertamol Honda e Pátio de Eventos de Serra Talhada. Para isso, basta acessar o site www.detran.pe.gov.br e fazer a inscrição.

Na atuação da blitz educativa estarão presentes os agentes da Operação Trânsito Seguro – OTS, artistas educadores da Turma do Fom-Fom e educadores do DETRAN-PE. Na ocasião serão realizadas orientações sobre normas de condução segura e preventiva, além de distribuídos os folders Motociclista Consciente; Cordel do Motociclista; Motorista Consciente e Faixa de Pedestre.

De acordo com o diretor presidente do DETRAN-PE, Charles Ribeiro, por determinação do Governador Paulo Câmara, o Órgão vem investindo ainda mais na educação no trânsito. “Nosso foco é sempre na prevenção de acidentes, principalmente de motos, que só torna possível quando é atrelado a fiscalização prévia e a educação, o que estimula a boa conduta do motorista no trânsito”, destaca.

 CRONOGRAMA DAS ATIVIDADES

DATA
AÇÃO
LOCAL
HORÁRIO
28/03
TERÇA
Blitz Educativa -FLORESTA
Avenida Dep. Audomar Ferraz
(em Frente ao Fórum)
10h às 12h
Formação de Professores FLORESTA
EREM – Nestor Valgueiro de Carvalho
8h às 12h
Palestra para Alunos -FLORESTA
14h às 17h
29/03
QUARTA
Blitz Educativa -CUSTÓDIA
Cruzamento entre as ruas Dr. Manoel Borba com rua Major Experidião de Sá
Ponto de Ref. Escola General Joaquim Inácio
09h às 11h
Palestra para Alunos –SERRA TALHADA
Escola Methódio de Godoy
08h às 12h
Palestra para Alunos -FLORES
Escola Pedro Santos Estima
14h às 17h
Capacitação para Diretores e Instrutores de CFC - CUSTÓDIA
Auditório da Sec. Educação
13h às 17h
Fórum de Educação de Trânsito – CUSTÓDIA

Palestras: CRPAM – Índices de acidentes de trânsito na região /
DETRAN - Segurança no Trânsito/
BOMBEIROS - Primeiros Socorros
19h
30/03
QUINTA
Curso de Pilotagem Defensiva – SERRA TALHADA
Auditório da Sertamol Honda¹ / Pátio de Eventos Serra Talhada²
8h às 17h

PE investe R$ 12 milhões no Compaz Ariano Suassuna

O governador Paulo Câmara, acompanhado do prefeito do Recife, Geraldo Julio, inaugura, hoje, o mais novo Centro Comunitário da Paz (Compaz) Escritor Ariano Suassuna. Localizado no bairro do Cordeiro, o equipamento possui 17 mil m², onde serão oferecidos os mais diversos tipos de serviços, além de atividades esportivas, educacionais e cidadãs. Ao todo, foram investidos R$ 15 milhões, dos quais R$ 12 milhões foram repassados pelo Governo de Pernambuco, através do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal (FEM), e R$ 3 milhões da Prefeitura do Municipal.
O Compaz tem como objetivo garantir inclusão social, cidadania, fortalecimento comunitário e difusão da cultura de paz. A nova estrutura conta com novidades como: duas quadras de tênis, quadra coberta, rampa de skate, pista de explosão (atletismo) e o ateliê de artes e artesanato. O equipamento também contempla o prédio principal - onde está a Biblioteca Jornalista Carlos Percol - e piscina semi-olímpica de 25m.

Jaboatão fiscaliza garrafas de vidro e som alto na praia

A equipe de fiscalização da Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes realizou ação, ontem, na orla de Barra de Jangada, Candeias e Piedade, com o objetivo de garantir o ordenamento do comércio de bebidas e comidas. Durante as atividades, foram apreendidas garrafas de vidro, que são proibidas de serem comercializadas na praia. Também foram retirados equipamentos de som que estavam causando poluição sonora e alguns comerciantes ainda foram notificados por cometer irregularidades. Os fiscais também orientaram de que não se pode manipular frituras na orla.
O gerente de Orla da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Guilherme Velho, disse que há mais de dois meses vem sendo feito um trabalho de orientação junto aos comerciantes, sobre como trabalhar na praia, mas nem todos seguem as regras. “Vamos continuar realizando estas ações de fiscalização diariamente. O pessoal sabe que não pode vender bebida em garrafas de vidro e nem colocar som alto, mesmo assim alguns comentem irregularidades. Nosso objetivo é garantir uma praia ordenada para que a própria população de Jaboatão e os turistas possam se divertir com segurança e tranquilidade”, disse Guilherme.
Participaram da ação os fiscais da Prefeitura do Jaboatão, que tiveram apoio da Polícia Militar. O trabalho transcorreu com tranquilidade e os comerciantes que tiveram produtos apreendidos poderão recuperá-los no depósito da Prefeitura. Nos casos de reincidência é aplicada multa.

“Governo estuda reduzir incentivo fiscal”, diz ministro

Do G1
O governo federal estuda reduzir incentivos fiscais para cobrir o rombo no orçamento de 2017, segundo o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira. Será necessário encontrar R$ 58,2 bilhões para cumprir a meta fiscal do ano, que é de déficit de R$ 139 bilhões.
"Nossa principal atenção será, aliás, a redução de incentivos fiscais. O governo federal ainda possui vários programas de incentivos fiscais, nós estamos olhando para isso e contando evitar qualquer aumento de impostos", disse o ministro, hoje, em entrevista à Rádio Gaúcha.
A resposta dada quando ele foi perguntado sobre o eventual aumento de impostos, já comentado pelo ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, na última semana.
O governo ainda tenta, de acordo com Oliveira, evitar principalmente os impostos que geram maior impacto na população e no funcionamento da economia.
Dentro dessa perspectiva, "não há nenhuma discussão" sobre o aumento da Contribuição Provisória sobre Movimentações Financeiras (CPMF), afirmou ele na entrevista. "Ao menos que eu tenha conhecimento", acrescentou.
Oliveira disse que não há números para serem divulgados, mas que a redução das despesas deverá ocorrer em "valor significativo".
"Do outro lado, nós estamos ainda finalizando as discussões sobre algumas receitas extraordinárias, que são principalmente derivadas da concessão de algumas hidrelétricas e da recuperação de recursos que a união depositou para pagamentos de precatórios e que não foram recuperados pelos beneficiários desses precatórios", destacou.
Com essas medidas, ressaltou o ministro, o governo pretende recuperar R$ 15 bilhões, ou até um pouco mais. "Então precisaremos também, em alguma medida, de algum aumento de receita da União, onde nós estamos tentando ao máximo evitar aumento de impostos", reiterou.
Rombo de R$ 58,2 bilhões
Oliveira lembrou que já era previsto o déficit de R$ 139 bilhões no orçamento do ano. Porém, pela avaliação realizada, o governo verificou que há uma queda de aproximadamente R$ 54,8 bilhões na arrecadação. Junto às despesas obrigatórias, segundo ele, o déficit adicional alcançaria os R$ 58,2 bilhões.
"Então, nós precisamos fazer algumas ações de governo para resolver esses 58,2 bilhões de reais, de modo que nós consigamos alcançar aquele limite de déficit de 139 bilhões, que era a previsão original", explica.
O rombo surgiu porque, na elaboração do orçamento, o governo previa um crescimento de 1,6% para a economia brasileira neste ano. Entretanto, essa estimativa foi revista e agora é de crescimento de apenas 0,5%.
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, anunciou que o governo vai esperar até a próxima semana para definir quais medidas serão adotadas. Ele adiantou, porém, que os R$ 58,2 bilhões não serão totalmente cobertos por corte de gastos. E disse que há "uma grande possibilidade" de elevação de impostos para conseguir esses recursos.
De acordo com ele, o governo tem até a quarta-feira (29) para enviar a revisão do orçamento ao Congresso. Em anos anteriores, isso foi feito até o dia 22 de março.


"Temos mais alguns dias para verificar e diminuir a eventual necessidade de aumento de impostos", disse Meirelleso na quinta-feira (23).

Embaixador da Argélia visita Instituto Miguel Arraes

O embaixador da Argélia no Brasil, Toufik Dahmani, e o secretário, Chafik Kellala, desembarcam em Pernambuco, amanhã, a convite do Instituto Miguel Arraes. O dia do embaixador no Estado começa com uma visita simbólica à casa de Arraes, que guarda diversos objetos oriundos da Argélia. Na ocasião, Toufik e Chafik serão recebidos por Madalena Arraes e Antônio Campos. Durante a estadia dos visitantes, está prevista uma ida protocolar ao governador Paulo Câmara, na quarta-feira pela manhã.
Em tempo
Na próxima quarta-feira, às 16h30, no auditório da Editora UFPE, será lançado o livro “Ciência e Tecnologia nos tempos do Dr. Arraes”, de Ascendino Flávio Dias e Silva. O lançamento será seguido de um debate com a participação de José Fernando Thomé Jucá, Antônio José Alves, Antônio Carlos Pavão e José Almir Cirilo.

Cursos de medicina da UPE são os melhores do estado

Os estudantes dos cursos de medicina dos campi da Universidade de Pernambuco (UPE) em Santo Amaro, Garanhuns e Serra Talhada podem comemorar. Foi divulgado, na última sexta-feira, o resultado da primeira edição da Avaliação Nacional Seriada dos Estudantes de Medicina (Anasem), realizada em 2016, e a UPE obteve os melhores índices do estado.
Na avaliação específica para os cursos de medicina, realizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – (Inep), o curso do campus da UPE em Santo Amaro obteve a melhor nota do estado, 105,5. Em segundo lugar vem o curso do campus em Garanhuns, com 105,0, seguido do curso em Serra Talhada com a nota 104,9.
Para o reitor da UPE, Prof. Pedro Falcão, o resultado é fruto da dedicação, esforço e superação dos que fazem os cursos. “Os servidores, gestores, professores e estudantes foram essenciais para a conquista desse resultado. São eles que enfrentam as adversidades apresentadas diariamente”, destacou.
Os resultados de excelência dos cursos de medicina mostram que a Universidade vive um momento acadêmico importante em sua graduação. “A UPE, através dos seus alunos, conseguiu comprovar que os seus cursos de medicina têm alta aprovação, desempenho e está devidamente preparado para inserir, no mercado de trabalho, futuros médicos compromissados com a população e a saúde pública. São os estudantes os protagonistas desse resultado”, ressaltou o Prof. Pedro.
OBJETIVOS – Instituída pela Portaria MEC nº 982, de 25 de agosto de 2016, a Anasem tem como objetivo avaliar os estudantes de graduação em Medicina, do 2º, 4º e 6º anos, por meio de instrumentos e métodos que considerem os conhecimentos, as habilidades e as atitudes previstas nas Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Medicina.
A Anasem conseguiu mobilizar todas as escolas brasileiras de educação médica e seus resultados abarcam a avaliação de 91% dessas instituições, totalizando 233 cursos e 22.086 estudantes matriculados no 2º ano. Os desempenhos nas questões objetivas foram agrupados em três níveis de proficiência – básico, adequado e avançado – com o objetivo de medir as competências estruturais ou habilidades dos participantes.
Cerca de 91,2% dos estudantes de medicina encontram-se no nível de proficiência adequado; 6,9%, no básico; e 1,9%, no avançado. Quanto aos desempenhos agregados por Instituições de Educação Superior (IES), 98,71% apresentam média em nível adequado e 1,29%, no básico.
ANASEM 2017 – A segunda edição da Anasem acontecerá no dia 18 de outubro do corrente ano e será aplicada para os estudantes matriculados no 2º ano dos cursos de Medicina. Em breve o Inep divulgará as informações sobre os procedimentos de inscrição.

Homem é assassinado a tiros em Petrolina, no Sertão de Pernambuco

Na noite deste domingo dia (12), por volta das 22:00, um homem foi morto por disparos de arma de fogo na Rua 04, do bairro Mandacaru, em Petrolina, no Sertão de Pernambuco.

Segundo informações do Site Vale em Foco, a vítima era conhecida como “Kekê”. O corpo foi removido pelo IML, e a Polícia Civil investiga o caso.